Famílias do Acampamento Fábio Henrique no município de Prado/BA recebem atendimento na área da Saúde e na área Jurídica

Famílias do Acampamento Fábio Henrique no município de Prado/BA recebem atendimento na área da Saúde e na área Jurídica

No último domingo (23), um mutirão de saúde dos médicos Sem Terras foi dedicado especialmente à saúde das famílias do Assentamento Fabio Henrique, organizadas por meio da Brigada Joaquim Ribeiro no município de Prado, região do Extremo Sul da Bahia. O atendimento foi realizado pela Prefeitura de Prado (BA), em parceria com o Movimento dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais Sem Terra – MST.

Desde as primeiras horas da manhã, as famílias se dirigiram ao galpão de evento para receber atendimento médico: clínico e ginecológico, e assistência social com orientação referente aos direitos dos trabalhadores do campo e acesso à previdência, seguindo todos os protocolos de saúde sanitária. A atividade foi marcada por uma belíssima mística, e um ato político, com a presença da direção estadual e regional do MST, do prefeito Gilvan Produção e do vereador Odiley.

Diante da posição de manter-se isolados, mas produzindo alimentos saudáveis, o Movimento Sem Terra vem promovendo atendimento e acompanhamento médico para as famílias. Nesta edição, os médicos Saulo Rodrigues e Dilma Nascimento atenderam as famílias do acampamento Fabio Henrique.

“A nossa tarefa é cuidar do povo, é levar atendimento especializado e de qualidade. Ação como essa possibilita trazer médicos e atendimento justamente em áreas de acampamentos e assentamentos, neste período de pandemia do COVID-19, onde a maioria das famílias estão isolamento social, trabalhando em seus lotes e têm a dificuldade de estar na cidade”, afirma Saulo Rodrigues.

“É o mínimo que podemos fazer, cuidar das famílias Sem Terra, penso que em todos os municípios onde têm assentamentos e acampamentos as equipes devem ser treinada para acompanha diretamente onde estão essas pessoas por isso é muito importante essa assistência tanto médica como de toda a equipe de saúde em áreas de assentamentos”, conclui Rodrigues.Famílias do Acampamento Fábio Henrique no município de Prado/BA recebem atendimento na área da Saúde e na área Jurídica

Welton Pires, coordenador da Brigada Joaquim Ribeiro, diz que “ hoje foi um dia muito importante para nós da classe trabalhadora, o direito de acesso a saúde tem sido cada vez mais difícil para o povo do campo, e hoje trouxemos médicos para atender dentro do acampamento. Estamos cuidando do nosso povo, estamos resistindo”, afirma Pires.

Em paralelo, aconteceu atendimento jurídico para as famílias dos assentamentos e acampamentos da região.

Para Nicolas do Nascimento, jovem, negro e Dirigente do setor de Direitos Humanos da Regional Extremo Sul, “hoje prestamos atendimento previdenciário, atendemos pedidos de aposentadoria rural, o pedido em si pode demorar e existe todo processo para dificultar o acesso do povo do campo, inclusive, o ministro da Economia fala que tem déficit na previdência, quando a previdência não é para gerar lucro e sim para dá assistência ao Povo Brasileiro, ” conclui Nascimento.

Parceria do MST com a prefeitura de Prado

Durante atividade o prefeito Gilvan Produções, ressaltou a importância desta parceria com MST. “Meu compromisso enquanto prefeito é levar serviços de qualidade a todos os moradores do nosso município, agradeço aos companheiros e companheiras do MST em disponibilizar seus médicos para esse atendimento aqui. Sinto feliz em construir um mandato ao lado de pessoas como eu, que acredita na luta e na transformação social”, conclui o Prefeito.

Na oportunidade, reiniciou a abertura e recuperação da estrada, via e vicinais nas comunidades do Assentamento Fabio Henrique e Assentamento Rosa do Prado, fruto de emenda parlamentar do Deputado Federal Valmir Assunção, em parceria com a prefeitura do Prado.

Lucinéia Durães da Direção Nacional do MST na Bahia, cita que “a parceria com a prefeitura de Prado vem trazer mudanças para as famílias acampadas e assentadas, projetos virão, que vai ajudar na produção de alimentos saudáveis, no escoamento dessas produções e maquinário para aporte produtivo. Os primeiros frutos já chegarão nas próximas semanas, vamos preparar cinco hectares de terras e plantar alimentos para subsistência do povo de prado e dos acampados do Fabio Henrique”, Finaliza Durães.

O prefeito e seus secretariados se dispuseram a colaborar com o que for necessário para dar suporte das famílias em todas as áreas que a comunidade precisa ou vier precisar.

Fechar Menu